sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

QUEM ESTÁ INTERESSADO EM MANTER A CONFUSÃO?


Lamentavelmente, parece que alguém continua interessado em que persista alguma confusão quanto à anulação da minuta para os contratos de avenças que pretendia unificar os conteúdos e continha alterações que foram consideradas inapropriadas.

Reafirma-se o que foi referido no post anterior sobre esta matéria: a dita minuta foi anulada pela Direcção Municipal de Recursos Humanos. Sabe-se que o director de Recursos Humanos enviou um e-mail para todos os dirigentes, onde refere expressamente que "foi superiormente decidido, de forma a pôr fim à situação de instabilidade, admitir que os serviços procedam à renovação dos contratos por adenda, cuja minuta se envia em anexo, mantendo-se a redacção inicial dos contratos."

O teor da adenda é o seguinte:

"Cláusula Única

O presente contrato é renovado pelo período correspondente a 1 de Janeiro de 2008 até 30 de Junho de 2008, podendo ser renovado automaticamente por períodos sucessivos de seis meses, desde que o primeiro outorgante não comunique a intenção de não renovar o contrato com uma antecedência de 60 dias antes do termo do mesmo. "

Os trabalhadores avençados só deverão assinar esta adenda, e nada mais, para que os seus contratos sejam considerados renovados (sugere-se a maior atenção contra os boatos que circulam sobre esta questão).

O passo seguinte será o da integração desses trabalhadores no quadro.

[P]

12 comentários:

Anónimo disse...

Coitadinhos dos chacinados dos precários! Há avençados que não fazem a ponta de um corno e, como vieram nas novas comitivas que vão chegando à CML através das equipas dirigentes que vão chegando após eleições e mais eleições, acham que são mais do que os do quadro! Acho muito bem que os dispensem a TODOS, pois não fazem e não deixam fazer! Há muitos funcionários do quadro emprateleirados por causa desses avençados que não fazem falta nenhuma! Haja é alguém na Câmara que tenha essa coragem! É tudo uma questão de reorganização de serviços, vão ver que são mais do que dispensáveis! O que se está a passar na Central, devia era ser feito aqui na Câmara! Vou criar um blog de defesa/apoio aos emprateleirados, para que estes compartilhem as suas histórias, algumas delas bem bizarras causadas por esses avençados! Esses (emprateleirados)sim devem ser apoiados, pois não os deixam trabalhar nas funçoes para que foram designados! Haja justiça! Há avençados que, pelo comportamento que têm, tinham e terão, deviam era ser punidos judicialmente e não "integrados", pelo MAL que causam ao funcionalismo público! Afinal eles não o são (FP), são mas é funcionários de máquinas partidárias, de chefes, directores, vereadores... nós é que os pagamos!

Anónimo disse...

Pessoal do bloco...

atenção q o contrato q assinei ontem n fazia referencia aos 60 dias de pré-aviso!!!

Anónimo disse...

O 1.º anónimo devia ter juizo e deve ser (+) um do quadro que nada faz...TENHA JUIZO E NOÇÃO DO QUE DIZ QTO MAIS N SEJA PORQUE É NATAL E VOCÊ RECEBE SUBSIDIO DE NATAL.

Anónimo disse...

Esta conversa já tresanda. Avençados, contratados e quadrados são todos piolhos. Acima deles há um magote de chefias principalmente Chefes de Divisão e Directores (uí uí quanta incompetência). A avaliação tem que começar por cima.

Anónimo disse...

Subscrevo na íntegra o que foi dito no primeiro comentário.Aproveito para esclarecer que os trabalhadores da autarquia,quando recebem os SUBSÍDIO DE NATAL e DE FÉRIAS recebem menos dinheiro, comparativamente ao montante que a maioria dos avençados recebe por mês.
Está na hora dos funcionários do quadro criarem um blog para apresentarem também as suas queixas e denunciarem estas situações vergonhosas.

Anónimo disse...

As análises por generalidades não dão, normalmente, bons resultados. Existe de tudo, avençados que deverão ser dispensados e outros que são peças fundamentais e essenciais para o funcionamento de determinados serviços.

Também existem funcionários competentes que injustamente estão "emprateleirados", como existem outros, que por falta de competências, carácter e vontade deveriam ser despedidos.

Reestruturem-se os serviços começando pela análise de competências dos dirigentes e só depois dos funcionarios e avençados. A modalidade contratual por si só não faz de ninguém competente!

vença-a-dor disse...

1º e 4º anónimos: aguentem mais um pouco para avançarem com criação do blog e sempre podem aproveitar algum "know how", seus putativos reactivos

vença-a-dor disse...

emendo a contagem - 1º e 5º anónimos: aguentem mais um pouco para avançarem com criação do blog e sempre podem aproveitar algum "know how", seus putativos reactivos

Anónimo disse...

Em resposta ao primeiro comentário, eu só gostava de ver o que seria da minha divisão se dispensassem todos os avençados... isso é que era giro, ver os trabalhadores do quadro a começarem a trabalhar a sério...

De facto é muito engraçado ver o pessoal dos quadros a ganhar horas que não faz, enquanto os recibos da divisão asseguram os fins de semana e os feriados, sem ganhar um tostão ou uma folga!

Tenha juízo e não fale do que não sabe!

Anónimo disse...

Está a ver que nos está a dar razão. Ver os trabalhadores do quadro a começarem a trabalhar a sério..., e está tudo dito! Os avençados são mais do que dispensáveis, para nós os do quadro começarmos a trabalhar a SÉRIO, porque não teriamos que continuar a ver o nosso trabalho boicotado e usurpado, assim como continuar-mos a levar com a soberba e a arrogância dos avençados que ali chegaram por obra e graça do seu chefe de divisão e, ou director de departamento e, ou director municipal e, ou vereador e, ou assessor e, ou sei lá mais quem os lá pôs. Nós quando entrámos para a Câmara tive que PRESTAR PROVAS! È claro que há evençados e avençados, do quadro e do quadro, pessoas e pessoas... temos uma opinião muito radical, ok! Mas estamos tão fartos de continuar a levar com aquele tipo de avençados que mais parecem uma cambada de fuínhas com ares de comissários politicos do aperelho ou do lóbi! Estamos fartos! Também temos o direito! Parece que só existe o avençado! E o do quadro! Sabemos muito bem do que falamos, sabemos, sabemos... Soube-se foi agora dos resultados da sindicância e da consequente punição de uns directores municipais. Óptimo! E o resto? Há muitas mais pessoas (dirigentes e técnicos) que também deviam passar pelo crivo de uma sindicância, a ver se se arrumava e limpava a Câmara de uma só vez! O pior é que vinham outros... isto é um ciclo vicioso. O poder corrompe!

Anónimo disse...

Falta de dizer que, na generalidade, se os avençados são tão bons técnicos (melhores que os do quadro...), facilmente arranjam colocação noutros serviços do Estado ou do privado, onde porventura fazem mais falta, porque aqui, sejamos curtos e directos e doa a quem doer, não são necessários. Há gente a mais! Ponto final parágrafo!

Anónimo disse...

Concordo que há gente a mais, concordo que há pessoas e pessoas, sejam elas do quadro ou a recibos.

Mas choca-me, e falo daquilo que vejo na minha divisão, ver pessoas a serem mandadas embora e o trabalho que essas pessoas faziam sobra para os recibos que ficaram, porque os do quadro não o querem fazer!

Quando digo que era giro que começassem a trabalhar a sério é porque não querem trabalhar! As tarefas estão mal divididas, atiram tudo para cima dos recibos com o belo argumento "estás a recibos não podes contestar, tens que fazer".

Se vocês têm direitos, nós também os temos, e confesso que estou cansada de ouvir este tipo de comentário. Cumpro um horário de 8h por dia, e vejo muita gente que chega horas depois de mim a sair bem antes... para além de ver muito boa gente a receber horas extraordinárias que não faz, enquanto eu tenho que vir trabalhar aos fins-de-semana e aos feriados ter nenhuma regalia!

Haja justiça!